Esqueletão: Prefeitura de Porto Alegre descarta implosão total do prédio após estudo técnico, por Kyane Sutelo/Correio do Povo

 

 

A prefeitura de Porto Alegre recebeu o relatório da empresa responsável pelo estudo para a demolição do prédio Galeria XV de Novembro, conhecido como Esqueletão. Localizado na esquina da rua Marechal Floriano Peixoto com a avenida Otávio Rocha, no Centro Histórico da Capital, a edificação, de mais de 70 anos, teve a demolição autorizada pelo Judiciário gaúcho em abril.

O relatório apresenta dados como prazo de demolição e custos, além de indicação do melhor modelo de trabalho e os impactos na vizinhança. O secretário de Planejamento e Assuntos Estratégicos, Cezar Schirmer, afirmou que ainda não leu a íntegra do documento, mas antecipou alguns detalhes. “Em tese, a implosão total do prédio está descartada”, afirmou Schirmer.

A segurança é um dos pontos que mais preocupa a prefeitura, segundo o secretário, que pode influenciar diretamente na escolha do método de demolição. “São muitas pessoas que passam na frente, na rua ali, tem muito movimento, lojas, prédios contíguos, então todo o cuidado é pouco”, avaliou ele.

Leia mais no Correio do Povo