TERCEIRIZAÇÃO GERA TRABALHO

“Vou dar um depoimento de quem a vida toda foi terceirizado em projetos e cálculos estruturais.

Eu, como terceirizado, muitas vezes passei por crises de mercado e diversas vezes tive que diversificar minhas atividades.

Eu, como terceirizado, nunca pedi aumento para meus trabalhos. Sempre que eu precisava aumentar meus ganhos, procurava soluções onde eu e meu cliente poderíamos nos beneficiar mutuamente.

Eu, como terceirizado,, sempre era avaliado pelo cliente a cada novo trabalho.

E o cliente sempre me procurava, mesmo meu preço sendo um dos mais elevados do mercado. Por que isto acontecia? Eu, como terceirizado, não era obrigado a aceitar as condições do contratante e nem ele as minhas.

Eu, como terceirizado, nunca tive nada a reclamar, pois eu sempre fazia os acertos em contratos assinados por ambas as partes.

Eu, como terceirizado, nunca tive estresse por estar a perigo de ser demitido. A terceirização deu-me anticorpos e calo para sobreviver em épocas de crise.

Eu, como terceirizado, sempre pude escolher meus clientes, meus preços e meus prazos.

Eu, como terceirizado, nunca procurei emprego. Sempre procurei trabalhos.

Eu, como terceirizado, sempre fui avaliado pela minha competência. Eu, como terceirizado, estou muito feliz com a aprovação deste projeto”.

(O depoimento acima é de Olídio Volpato, Consultor Estrutural e Professor de Cálculo de Estruturas de Aço – sempre disposto a prestar serviços terceirizados).